Mecânica online: Os números nos 26 anos consecutivos do Volkswagen Gol na liderança

volkswagen_gol

Somado ao Fusca, que manteve liderança de vendas por 24 anos, feito do Gol marca os 50 anos de liderança de um modelo Volkswagen no mercado nacional. Desde seu lançamento em 1980, mais de 7 milhões unidades foram fabricadas no Brasil, sendo o carro mais comercializado, exportado e produzido do País.

Com 293.310 unidades vendidas em 2012, o Volkswagen Gol soma mais de 7 milhões de unidades produzidas em seus 32 anos de história, sendo 26 consecutivos na liderança do mercado brasileiro, ou seja, desde 1987 que o Gol domina o mercado brasileiro

A trajetória vitoriosa do Gol tem uma base sólida: ele foi criado pensando no Brasil e nos motoristas brasileiros, mas ultrapassou fronteiras. O projeto, iniciado em 1976, foi desenvolvido levando em conta as condições de uso no País, juntamente com as necessidades e aspirações dos consumidores nacionais, enfatizando a resistência, economia e durabilidade.

O primeiro Gol tinha motor refrigerado a ar, com 1.300 cm³ e 47 cv (uma variação do usado no Fusca, com quem conviveria até 1986) e câmbio com quatro marchas. Suas linhas eram inspiradas nas do Passat. Já em 1981 o Gol ganhou um motor mais potente, com 1,6 litro e 67 cv, também refrigerado a ar. A primeira versão com motor de quatro cilindros em linha, com refrigeração líquida, com motor 1,5 litro e câmbio de cinco marchas, foi lançada em 1984. Logo em seguida viriam os motores 1,6 litro e o primeiro Gol GT, com 1,8 litro.

Em suas cinco primeiras gerações, o Gol passou por uma contínua evolução tecnológica, introduzindo no país novidades que revolucionaram a indústria nacional. O Gol GTI, em 1989, foi o primeiro carro brasileiro com injeção eletrônica, com um sistema analógico que teve que ser totalmente desenvolvido no País, já que na época a importação de equipamentos digitais, disponíveis no exterior, era proibida. A injeção eletrônica multiponto, já com sistema digital, um importante avanço, passou a ser oferecida em 1997.

Em 2003, o Gol Total Flex foi o primeiro automóvel capaz de rodar, indiferentemente, com gasolina, álcool ou qualquer mistura dos dois combustíveis, abrindo a era dos motores bicombustíveis que hoje dominam o mercado brasileiro.

Outro marco da história do Gol foi a introdução dos motores 1.0 com 16 válvulas e 1.0 turbo 16 v. Acompanhando uma nova tendência de mercado, o carro também passou a ser oferecido com o câmbio automatizado I-Motion e, com foco na mobilidade sustentável, a Volkswagen lançou em 2010 o Gol Ecomotion, equipado com diferencial alongado, pneus com menor resistência à rolagem e indicador de consumo instantâneo no painel de instrumentos.

O Gol em números:

•           Líder de vendas há 26 anos consecutivos, é o carro mais vendido na história da indústria brasileira

•           Mais de 1,1 milhão de unidades exportadas para 66 países

•           Mais de 7 milhões de unidades produzidas no País

•           Primeiro veículo a ultrapassar a marca de 3,5 milhões de unidades produzidas no Brasil, superando o Fusca.

MECÂNICA ONLINE

  • O Prius, veículo híbrido mais vendido do mundo, já está à venda nas 139 concessionárias da Toyota no Brasil. Com preço de R$ 120.830,00, o modelo que foi lançado mundialmente em 1997 e está em sua terceira geração, já teve cerca de 3,5 milhões de unidades adquiridas por consumidores, principalmente em mercados como Estados Unidos, Europa e Japão.
  • O carro é equipado com dois motores, um a combustão e outro elétrico. O motor a combustão é movido por gasolina e possui quatro cilindros em linha e cilindrada de 1798cc. Com estrutura muito compacta, este motor se destaca por dispensar a utilização de uma correia auxiliar para mover outros componentes do veículo, como o compressor do ar-condicionado, a bomba de água e a assistência elétrica da direção, que funcionam com a eletricidade gerada pela potência do sistema de baterias, colaborando para a redução do consumo de combustível.
  • O motor elétrico, por sua vez, possui potência de 650 Volts e é dotado de corrente elétrica alternada trifásica e funciona em sincronia com o motor a combustão, para potencializar o desempenho em altas velocidades e impulsionar as rodas quando o veículo estiver funcionando exclusivamente no modo elétrico. A potência combinada dos motores é de 138cv.
  • Desde o final do ano passado, a Mercedes-Benz, por meio de sua Rede de Concessionários, oferece um produto inédito no País, o Óleo Genuíno da própria marca. Essa linha de lubrificantes foi especialmente desenvolvida para caminhões, ônibus e veículos Sprinter, estando disponível nas versões de óleo para motor, diferencial e transmissão.

tarcisio_assinatura