byd_qin-1A chinesa Byd mostrou no mercado de seu país uma versão híbrida das mais interessantes para o sedã Qin. Com intenção de colocá-lo a venda em 2015, o fabricante quer chegar até o mercado europeu, para isso deve mudar o nome do modelo até lá.

Inicialmente o modelo terá apenas 100 unidadescomercializadas. A motorização híbrida conta com 299 cv de potência na união dos motores a combustão e elétrico. O propulsor convencial é um 1,5 litros turbo. A propulsão elétrcica vem de dois motores deste tipo instalados no carro.

byd_qin-2

O desempenho anunciado é muito bom, com a aceleração de 0 a 100 km/h feita em 5,9 segundos e velocidade máxima de 185 km/h. A autonomia apenas com os motores elétricos é de 70 km. Entre os equipamentos estão sistema de medição de pressão dos pneus, 12 airbags, ESP.

Compartilhe: