Mercury Cougar mk7 (1989-1997)

CarroHoje.com

O papel do Cougar foi bastante complicado esta sua sétima geração, que foi fabricada nos EUA entre 1989 e 1997. Ele era a versão luxuosa do Thunderbird, que em sua versão 1989 foi considerado uma revolução no mercado cada vez mais maior, de cupês, nos EUA.

A plataforma e muitos elementos eram compartilhados com o irmão mais conhecido. Mas a carroceria tinha suas características próprias. Ela era cupê duas portas, como o mano, mas a traseira tinha o clássico recorte reto da coluna C, típico de modelos da década de 80 e 90 no Tio Sam.

Quando lançado, o Cougar, para perder a fama de carro de “tiozão, chegou a ter uma versão de competição uma IMSA. Como quase todos os modelos da época o desenho não emocionava, o interior era confortável, e os ocupantes tinham uma suspensão traseira multi-link que o transformava numa bela barca. Uma grande alteração para o motorista veio no modelo de 1994, onde o painel foi refeito e direcionado ao motorista, dando uma sensação de maior conforto e modernidade ao modelo.

Os motores eram 3: dois V8 com 5 e 4,6 litros e um menor, V6 com 3,8 litros. Aliados à eles estavam dois tipos de transmissão, uma automática com 4 velocidade e outra manual com 5. Esta geração do a última do Cougar com tração traseira.

Compartilhe:

Next Post

Yamaha Tracer 900 GT

Muito aguardada no Brasil, após o imenso sucesso reconhecido pela mídia especializada ao redor do mundo, a Nova Yamaha Tracer 900 GT chega ao país para conquistar o coração dos brasileiros apaixonados por uma pilotagem brutal, confortável e divertida no […]