Suzuki Jimny Sierra

CarroHoje.com

Apresentado no Brasil no último Salão do Automóvel de São Paulo, o Suzuki Jimny Sierra será oficialmente lançado no Brasil em novembro deste ano.

A 4ª geração deste SUV compacto chega totalmente nova em três versões, incluindo duas com câmbio automático: Jimny Sierra 4YOU AT, Jimny Sierra 4YOU MT e Jimny Sierra 4STYLE. O novo modelo conviverá com a atual geração do Jimny, que é produzida nacionalmente, na fábrica da Suzuki Veículos em Catalão (GO).

“Desde seu lançamento internacional, o Jimny Sierra tem feito sucesso nos países onde já é vendido – vários têm fila de espera. É um SUV com identidade própria e uma incrível capacidade off-road. Sem dúvida, vai conquistar os clientes brasileiros”, destaca Fernando Julianelli, diretor de marketing da Suzuki Veículos.

Jimny Sierra em detalhes
Tudo novo por dentro e por fora. O power train foi totalmente reformulado e recebe motor 1.5L de 108cv e 14,1 kgf.m de torque e a opção de transmissão automática. Isso se reflete em economia para o dia a dia e robustez para o off-road.

A tração é a AllGrip Pro com reduzida e função LSD, que torna a transposição de obstáculos ainda mais fácil. Para garantir ainda mais segurança em qualquer situação, controle de estabilidade (ESP), além de Hill Hold (assistente de partida em rampas) e Hill Descent (assistente de descida).

Muitos detalhes foram pensados para facilitar o dia a dia, seja na cidade ou no campo. Por exemplo, as portas abrem em três estágios e com ângulo de 70º. O para-brisa e a coluna frontal estão em uma posição mais vertical. Já o capô é plano, evitando reflexos que possam atrapalhar a dirigibilidade. Para evitar batidas de pedras na carroceria, as molduras dos para-lamas são mais largas e vem com textura anti-risco, assim como os para-choques. Os vidros laterais são verticais para evitar acúmulo de lama ou água. O teto tem maior área e é equipado com calhas, que permitem a instalação de racks nas extremidades.

Por dentro, o Jimny Sierra traz a modernidade do sistema multimídia de 7” com a conectividade dos sistemas Apple CarPlay e AndroidAuto e ar-condicionado digital automático. O interior prioriza a praticidade com materiais duráveis, fáceis de limpar e resistentes a riscos. Os controles estão em posições estratégicas e sempre à mão do motorista, mesmo em condição extremas. Já o painel de instrumentos é projetado para uma visão clara ao trafegar em terrenos muito iluminados ou áreas de sombra.

Compartilhe:

Next Post

Volkswagen Jetta 2.0 350 TSI GLI DSG 2019

Sem nenhum concorrente direto no mercado brasileiro, o Volkswagen Jetta GLI chega do México em sua sétima geração para se destacar entre os sedãs esportivos […]